Academia Kimura Fitness

Material Escolar é na Badulaques Presentes

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Polícia Civil impede nova tentativa de fuga da cadeia de Ivaiporã

Do Jornal Paraná Centro
A Polícia Civil de Ivaiporã, com o apoio do SOE (Seção de Operações Especiais) do Depen (Departamento de Execução Penal) do Paraná e da Polícia Militar, evitou na manhã desta terça-feira, dia 9 de janeiro, mais uma tentativa de fuga da cadeia pública de Ivaiporã.
Segundo o delegado da Polícia Civil de Ivaiporã, Gustavo Dante da Silva, há alguns dias, os investigadores e agentes do Depen ouviram ruídos do interior da carceragem e identificaram como uma ação de escavação de túnel no interior das celas. Os investigadores iniciaram um monitoramento da situação e, na manhã desta terça-feira, com o apoio do SOE, foi realizada uma operação bate-grade no interior das celas, onde foi encontrado um buraco que estava sendo perfurado no piso do solário, que é a área de convivência dos detentos. “Acreditamos que o buraco tem 10 metros de extensão e, se não fosse descoberto a tempo, poderia resultar na fuga de pelo menos 40 presos”, comenta o delegado.
Contando com o apoio da prefeitura, no período da tarde, seria providenciado o fechamento do buraco, com concreto usinado. Gustavo Dante lembra que a carceragem está superlotada. O local tem capacidade para 40 presos e atualmente conta com 154. “Já informamos as autoridades da segurança pública e o Estado sobre a situação; a estrutura é ruim e, com essa quantidade de presos, de fato, o prédio não suporta mais. Felizmente conseguimos evitar mais essa tentativa”, comenta o delegado.
Ainda durante o bate-grade, os agentes do SOE encontraram ferros que estão sendo usados na escavação. Segundo o delegado, esse material está sendo retirado das ferragens que suportam as paredes da cadeia. “Eles estão conseguindo quebrar o concreto das paredes e retirar as ferragens, que estão sendo usadas para escavar esses buracos”, comenta.
O presidente do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança de Ivaiporã), Celso Gomes, acompanhou a operação bate-grade e lembrou que o Conselho, há anos, vem reivindicando melhorias para a carceragem. Ele lembra que, há cerca de um ano, a entidade conseguiu junto à Câmara de Vereadores e Prefeitura de Ivaiporã, material e mão de obra para reforçar o piso da cadeia de Ivaiporã, e para que a obra seja realizada, é necessário que o Depen faça a remoção provisória de parte dos presos de Ivaiporã, mas até o momento, a reivindicação não foi atendida. “Diante dessa nova tentativa de fuga, vamos informar novamente as autoridades sobre essa situação”, disse o presidente do Conseg de Ivaiporã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário