Lorem ipsum dolor

quarta-feira, 9 de maio de 2018

MAUÁ DA SERRA - "Quatro foram presos acusados de furto de carga"


 Reportagem extraída do Blog do Berimbau
Nossa reportagem começou o dia 09 de maio, de 2018, informando que que uma operação foi realizada em Mauá da Serra, durante à noite, para prender uma quadrilha que vem praticando furto de cargas em pátio de Postos de Combustíveis, de Restaurantes,  outros estabelecimentos comerciais e às margens da Rodovia BR 376. Acredita-se que mesma organização criminosa vem agindo no saqueamento e furto de carga, quando há acidentes na Serra do Cadeado, como recentemente aconteceu com um caminhão de Maringá, que tombou com produtos de limpeza. Nos anos de 2017 e 2018, foram vários boletins. Ainda pela manhã, de 09 de maio, o Capitão Vilson Silva, do Décimo Batalhão (Apucarana), disse que já há alguns dias, o serviço de inteligência (P2) vinha atuando no sentido de vigiar e prender os bandidos em flagrante. "As equipes do Batalhão, juntamente com a RPA - Rádio Patrulha, de Mauá da Serra,  lograram êxito em prender, na madrugada, duas pessoas suspeitas: Elizeu Cordeiro de Proença Pinheiro, de 21 anos, e Valdemir Lima Caetano dos Santos, 19 anos, e apreendemos um Ford Escort, com placas de Mauá da Serra. Eles haviam acabado de furtar parte da carga de pelo menos três caminhões que tiveram os cadeados violados, inclusive recuperamos 59 caixas de frango e derivados. Essa ação vai nos permitir identificar outros participantes e vai dar mais tranquilidade aos motoristas", disse o Capitão Vilson. Antes que o dia terminasse, o próprio Décimo Batalhão confirmou mais duas prisões: Direly Dionísio Gallo e Valdinei Piranga, o conhecido "Chapeuzinho", os quais foram encontrados em uma borracharia nas margens da BR 376. "Após a prisão dos dois primeiros, também apuramos que pelo menos mais duas pessoas haviam participado do crime. Foram levantados nomes e o paradeiro desses indivíduos e graças a atuação eficiente das equipes que estavam na Rua, Dirley e Valdinei, também acabaram localizados", revelou o setor de comunicação social do Décimo, ao Blog do Berimbau. Com eles, mais produtos, entre eles cerveja, alimentícios e eletroeletrônicos, também foram recuperados  OUTRAS PRISÕES - O que nossa reportagem apurou (Blog do Berimbau) é que em Mauá da Serra, tem muitas pessoas com a "pulga atrás da orelha", o motivo é que sabe-se que alguns comerciantes e pessoas que se dizem de bem, estavam comprando produtos furtados, o que no mínimo, vai caracterizar receptação. Também é possível, que com a prisão dos quatro primeiros suspeitos, vários outros integrantes do grupo, que agia nesta região, possam também serem identificados e presos. NEGATIVA - Apesar das evidências, os suspeitos negaram que façam parte de uma quadrilha, ou que sejam responsáveis pelos inúmeros delitos que estavam sendo praticados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário