Mensagem da Vale do Ivaí Telecom

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Estudante entra armado em escola do interior e atira contra alunos

Dois estudantes ficaram feridos na manhã desta sexta-feira (28) depois de serem atingidos por tiros disparados por um colega. O caso foi dentro de uma escola estadual da cidade de Medianeira, no Oeste do Paraná, próximo das 8h30. Uma das vítimas foi socorrida em estado grave e levada para um hospital de Foz do Iguaçu. A princípio, o crime teria sido motivado por bullying. "Tanto os estudantes que levaram os tiros como o que disparou são adolescentes e frequentam aulas do Ensino Médio do Colégio Estadual João Mondrone, que tem cerca de 1,3 mil alunos matriculados.A Secretaria de Estado da Educação informou que o estudante que estava com a arma inicialmente atirou contra um colega de classe, o atingindo nas costas e, depois deu vários outros tiros pelo colégio. Nisso, um outro aluno foi ferido de raspão no joelho." "Para conter o adolescente que estava com a arma, a Polícia Militar teria disparado cinco tiros, conforme mostrou o jornal Meio-dia Paraná, da RPC TV. Ainda conforme o telejornal, a arma que o aluno usava, uma garrucha, foi disparada oito vezes. No caderno do adolescente foram encontrados recortes de casos de tiroteios registrados em escolas e universidades estadunidenses.O estudante que teve ferimentos leves foi atendido no Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz, em Medianeira, e liberado logo em seguida. Já o que levou um tiro nas costas foi transferido para o Hospital Municipal Padre Germano Lauck, em Foz do Iguaçu.O atirador foi apreendido pela Polícia Militar e está sob custódia na delegacia da cidade. Ainda conforma a pasta, representantes do Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu estão no colégio. (Da Gazeta do Povo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário