Destaques

Nacionais

Região

Esportes

Vídeos

You are here
, Unlabelled

STJ tira de Moro investigação sobre Beto Richa e Odebrecht

(Por Fábio Campana/Gazeta do Povo)Por decisão unânime, a Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) acolheu nesta quarta-feira (19) os embargos de declaração da defesa do ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) e retirou das mãos do juiz federal Sergio Moro, da 13ª Vara Criminal de Curitiba, a investigação envolvendo o tucano e a empreiteira Odebrecht. Para os ministros em Brasília, o caso deve ser distribuído entre as demais varas criminais federais de Curitiba, pois não teria conexão com a Operação Lava Jato. A informação é da defesa do tucano.Em 20 de junho último, a Corte Especial já havia aceitado um agravo regimental do tucano, devolvendo o caso para a esfera da Justiça Eleitoral. Naquela ocasião, o STJ definiu que caberia à própria Justiça Eleitoral examinar o assunto e, se fosse o caso, repassar ou não para a Justiça Comum. Ainda em junho, a juíza eleitoral Mayra Rocco Stainsack, da 177ª Zona de Curitiba, recebe a investigação e logo determina a devolução do caso diretamente a Sergio Moro.“O que a Corte Especial decidiu foi que, até o momento do julgamento do agravo regimental pela Corte Especial, na sessão de 20 de junho de 2018, não há elementos na investigação que justifiquem a prevenção da 13ª Vara Federal do Paraná, por não existirem indícios de crimes de lavagem de dinheiro, ou de outros crimes ligados à Operação Lava Jato”, escreveu eu seu voto o ministro Og Fernandes, relator do caso no STJ.Em julho, o desembargador do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) Luiz Fernando Wowk Penteado já havia mandado suspender a decisão da juíza eleitoral.

Novamente com o caso em mãos, a juíza eleitoral optou pelo arquivamento dos pontos da investigação que escapavam da esfera eleitoral. A partir daí, a equipe da Operação Lava Jato, do Ministério Público Federal (MPF), retomou o caso, sob o guarda-chuva da 13ª Vara Criminal de Curitiba.Em 5 de setembro, a investigação gerou uma denúncia contra 11 pessoas e foi acolhida por Sergio Moro. Em 11 de setembro, o MPF e a Polícia Federal deflagraram a Operação Piloto, levando dois réus para a prisão – Deonilson Roldo, ex-chefe de gabinete de Beto Richa, e Jorge Atherino, empresário ligado ao ex-governador do Paraná. De acordo com a acusação do MPF, a Odebrecht pagou propina em 2014 para ganhar a licitação da obra da PR-323, aberta pelo governo do Paraná.(“Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Jornal Catugi

Seja um parceiro do Jornal Catugi,envie sugestões de pautas....Nosso contato (43)99912 4626.

Nenhum comentário:

Deixe o seu comentário

Total visiualizações

Pesquisar este blog

Pavan Supermercado

Pavan Supermercado

Supermercado Nossa Casa-Cruzmaltina

Supermercado Nossa Casa-Cruzmaltina
Tudo que um completo supermercado precisa ter, o Supermercado nossa casa têm e com preço justo. Rua São Domingos esquina com a Igreja Matriz,.Telefone 3454 11 96 direção é do Rogério e da Karina

R.O.C DISK ENTULHOS

R.O.C  DISK ENTULHOS

DEPÓSITO PEREIRA REDE MAX PREMIUM

DEPÓSITO PEREIRA REDE MAX PREMIUM

VALE DO IVAÍ TELECOM CONECTANDO PESSOAS

VALE DO IVAÍ TELECOM  CONECTANDO PESSOAS

CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO EM KALORÉ

CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO EM KALORÉ