Pres. da Câmara corta gratificações,mas quer contratar mais um assessor jurídico

Segundo informações obtidas pela nossa reportagem,este decreto vai economizar  um bom dinheiro mensalmente
O presidente da Câmara de Vereadores de Borrazópolis,Cesar Soares da Silva,(Cesar do Posto) assinou um decreto que acaba com as gratificações dos funcionários do legislativo.Segundo informações obtidas pela nossa reportagem,este decreto vai economizar  um bom dinheiro mensalmente.A nossa reportagem conversou com alguns funcionários e eles disseram que não foram avisados.A nossa reportagem entrou em contato com o Presidente da Casa de Leis,para buscar mais informações e ele disse que não se pronunciar,pois o processo que é de conhecimento de toda a população está em andamento e que vai se pronunciar no momento oportuno.
                                           Contra-senso
Na noite de quarta-feira  (28 de fevereiro) aconteceu uma reunião extraordinária onde foi discutido a pedido do presidente a contratação de mais assessor jurídico,para atender especificamente o presidente, com o salário aproximado de R$ 6 mil reais.Se for confirmada a contratação, a Câmara passará ater tres assessores jurídicos,o que geraria mais despesas na Casa de Leis.
Contestação sobre as ações da presidência
Os vereadores Marcelo Pires Rodrigues (Marcelão) e Wellygnton Jhonis,entraram com um requerimento para contestar  as ações tomadas pela mesa diretora,quanto aos procedimentos e as decisões realizadas. Sendo que o projeto de resolução da mesa diretora não teve a tramitação legal conforme consta no regimento interno da casa.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.