Curta a nossa página e fique bem informado

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Municípios do Vale do Ivaí podem acabar se pacote do Governo passar no Congresso Nacional

Rosário do Ivaí  Lunardelli -Marumbi -Kaloré- Rio Branco do Ivaí -Lidianópolis -Rio Bom-Arapuã -Godoy Moreira -Cruzmaltina -Novo Itacolomi-Ariranha do Ivaí
O pacote econômico apresentado pelo governo nesta terça-feira (5) ao Congresso Nacional prevê a junção de municípios pequenos que não arrecadam o suficiente para cobrir suas despesas. A medida foi anunciada pelo líder do governo no Senado Federal, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).De acordo com Bezerra, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dá um prazo até 2024 para municípios com menos de 5 mil habitantes alcançarem uma arrecadação equivalente a 10% das despesas. Se não alcançarem essa receita, a medida prevê a junção de cidades em uma só.No Paraná, a medida pode afetar cem municípios segundo estimativa do IBGE divulgada no último dia 2 de setembro. Eis a relação dos municípios do Vale do Ivaí com menos de 5.000 habitantes.
Rosário do Ivaí  4.848  -Lunardelli 4.794-Marumbi 4.650-Kaloré  4.100 Rio Branco do Ivaí 4.096-Lidianópolis 3.334-Rio Bom 3.219-Arapuã 3.089-Godoy Moreira 2.950-Cruzmaltina 2.946 -Novo Itacolomi   2.844-Ariranha do Ivaí   2.106-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

blogger