Aumentos nos medicamentos é adiado por 60 dias pelo governo

O ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto, anunciou nesta terça-feira que o governo fechou acordo com a indústria farmacêutica para adiar por 60 dias o aumento nos preços de medicamentos previsto para entrar em vigor no começo de abril, em meio ao avanço da pandemia de coronavírus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário